Image Map

Playlist do Mês - Maio/2016

30 maio 2016

Mais uma vez eu trago as músicas que mais ouvi no mês! A playlist de maio está bem eclética, tem indie pop, indie rock, pop e música eletrônica. A descoberta do mês foi a cantora trans Anohni, que lançou o disco Hopelessness, e nas músicas ela fala de várias questões importantes, tanto sociais quanto ambientais, mas as músicas passam longe de ser chatas.


Favoritos de Maio/2016

Já estamos quase no meio do ano e chegou a hora de compartilhar os cosméticos, maquiagens, livros, séries, aplicativos e mais coisas que eu amei no último mês.


Ah, vocês já se inscreveram na newsletter do blog? É só colocar o e-mail ali na barra lateral que eu mando todos os meses os posts mais lidos do blog, na íntegra!

Mix de Links: o estilo das celebridades brasileiras

27 maio 2016


Já falei muito aqui no blog sobre as famosas brasileiras estilosas, que podem nos inspirar pra montar nossos looks. Esse post é um mix de tudo que já postei sobre atrizes e blogueiras do Brasil, escolha a sua favorita e inspire-se!












Links da Semana: Styling, cuidados com os cabelos e moda genderless











Batom como iluminador? Conheça o chroming

26 maio 2016

A cada dia surge uma nova tendência de maquiagem, quase sempre vindo de truques de maquiadores nos backstages de desfile de moda. A novidade da vez é a técnica chroming, que é usar um batom como iluminador para conseguir um efeito "cromado".


A febre da textura matte pelo jeito está indo embora, então a pele da vez não poderia ser diferente, tem bastante brilho. Para usar o chroming, você precisa de um batom cremoso (que estão voltando com tudo, junto com os gloss!). É só aplicá-lo onde você normalmente coloca o iluminador, nas têmporas, acima dos lábios, no nariz... O ideal é que o batom tenha uma cor mais metalizada, com acabamento frost ou shimmer. Com o batom matte não teria esse mesmo efeito luminoso.

Essa tendência surgiu quando o maquiador sênior da MAC, Dominic Skinner, postou no Instagram uma foto de uma maquiagem sua usando o batom All I Want, feito pela Mariah Carey em parceria com a MAC, como iluminador. Realmente, na minha opinião, esse batom não é dos mais bonitos para usar nos lábios, mas como iluminador ele pode funcionar super bem.



Quem tem pele oleosa talvez prefiras ainda os iluminadores em pó, pois esse brilho "cremoso" pode não ser tão legal pra quem tem esse tipo de pele. Já as pessoas de pele mista ou seca tendem a gostar mais desse tipo de iluminador, então já podem separar no nécessaire os batons que serviriam pra essa função!

Eu com certeza não compraria um batom apenar para isso, apostaria em um iluminador, mas se você já tem algum com esse acabamento, é ótimo poder usar ele de várias formas e fazer seu dinheiro render.

 


Chelsea, o talk show da Netflix

25 maio 2016



Eu confesso que assisto pouco televisão, o conteúdo em vídeo que eu mais acesso está na Netflix ou no Youtube (ninguém espera isso de uma estudante de Jornalismo, eu sei). Porém, tenho assistido muito na Netflix algo que lembra muito o formato de um programa de televisão. Aliás, era um programa de televisão, que mudou de plataforma. Estou falando de Chelsea, programa de entrevistas de comediante norte-americana Chelsea Handler.

Estreou esse mês na Netflix, e tem três episódios novos lançados a cada semana. O objetivo do programa é educar a própria Chelsea, que conta em vários episódios que não frequentou a faculdade, e os telespectadores também. Além de entrevistar artistas e celebridades, ela fala com pessoas ligadas à educação e várias áreas do conhecimento. Tudo com bom humor e sem fazer com que as entrevistas sejam chatas.

Cada episódios tem uns 30 minutos e Chelsea recebe vários convidados. Ela já entrevistou os atores de Capitão América: Guerra Civil, Drews Barrymore e Gwen Stefani. A dose de fofura do programa é por conta do cachorrinho da comediante, que fica junto no estúdio e adora interagir com os convidados.

O bom é ver os programas logo que eles são liberados, pois as entrevistas falam sobre temas bem atuais. O programa só não é ao vivo porque está disponível na Netflix para 190 países, então, por uma questão de horário, é melhor que o episódio seja disponibilizado para o público ver quando quiser. Eu gosto de ir deixando alguns acumularem e depois assistir vários.

Chelsea praticamente comanda tudo no programa e ela gosta de deixar isso claro, que é bem diferente do programa que ela tinha na televisão. Em entrevista para o Variety, ela diz que “o cenário é cool e dark, e é como estar em casa conversando. Esse é o clima que eu queria e eu consegui”.

Recomendo muito pra quem sente falta dos programas de televisão, pra quem quer aprender algo e também pra quem só quer dar umas boas risadas. Os episódios são curtinhos e passa super rápido.

Como usar a tendência ballet inspired

O ballet está super em alta. Tanto a modalidade de dança,que vem ganhando mais adeptas, quando o estilo de se vestir inspirado nas bailarinas. Tem várias formas de usar o estilo inspirado no ballet no seu dia a dia, seja com roupas, acessórios, maquiagem...


A forma mais clássica e óbvia de ser uma bailarina do street style é usar a saia de tule. Para não ficar muito caricata, use com materiais mais “casuais” na parte de cima. A saia de tule fica super moderna se usada com camiseta de manga curta de algodão ou com suéter. Nos pés, você pode usar com uma sandália de salto mais delicada ou sapatilha, principalmente se for sem estampa.


O scarpin também fica lindo com esse modelo de saia. E, se a saia for usada no verão, o cropped como parte de cima também pode ser uma bom complemento. E pros dias mais frios, camisa jeans pra quebrar a delicadeza da peça. Se você quer fazer a sua própria saia, tem até tutorial na internet para fazer uma saia de tule (e até parece fácil!).


Se você não quer sair com uma saia de tule por aí, mas ama o universo do ballet, pode apostar nas sapatilhas. Essas que lembram sapatilhas de ballet são super fáceis de usar. Sem estampas, em tons clarinhos e sem salto, elas dão um toque de fofura pro look, mas ainda deixando moderno e confortável. Com jeans skinny fica lindo! E quem quer sapatilhas desse modelo pensadas por bailarinas profissionais, vai querer olhar a coleção feita por Cole Haans em parceria com a New York City Ballet.


Essa tendência também pode ser usada nos pés de outra forma. Existem várias sapatilhas com amarrações que lembram as sapatilhas das bailarinas, só quem em outros materiais e cores. As sapatilhas em couro preto e com saltinho ficam super bonitas com os looks mais básicos do dia a dia.

Até no mundo da maquiagem o ballet tem feito sucesso. O Boticário lançou recentemente a linha Urban Ballet, em que até a bala dos batons tem formato de sapatilha! Se você já desistiu de sonho de criança de ser bailarina, vale incorporar esse universo no seu estilo.
Além do look do dia. Todos os direitos reservados.©
Design e codificação por Sofisticado Design