Image Map

Livro: Um Bestseller para Chamar de Meu

03 janeiro 2017


Já falei inúmeras vezes aqui no blog que a minha escritora favorita é a Marian Keyes. Recentemente concluí mais um livro dela, o Um Bestseller para Chamar de Meu. É sobre três mulheres, que vão revezando a narrativa do livro:

Gemma, que recentemente terminou com o amor da sua vida e o viu se mudar de cidade. De forma ingênua, ela pede para sua amiga ficar de olho nele. O que acontece é que a amiga e o ex dela se casam e têm filhos, deixando Gemma arrasada. Ela trabalha organizando eventos e, para completar, o seu pai deixa a sua mãe para viver com a secretária, deixando Gemma com a missão de segurar as pontas em casa.

Lily, a ex amiga. Encontrou em Anton o amor da sua vida, tem uma filha com ele e os dois sonham com a tal estabilidade financeira. Ela escreve livros e ele trabalha numa produtora de filmes. Lily vive assombrada pela culpa de ter "roubado" o namorado da melhor amiga.

Jojo, editora de livros. Vive um romance com o diretor da empresa onde trabalha, que é casado e tem dois filhos. Os dois vivem se escondendo e o sonho dela, além de se tornar diretora da empresa também, é que os dois possam se casar.

A vida das três está interligada, pois Jojo edita os livros de Lily e, quando os e-mails de Gemma reclamando da vida para sua nova melhor amiga viram um livro, é Jojo quem edita também. Isso não é por acaso, afinal um dos objetivo de Gemma é se vingar, pegando tudo de bom que há na vida de Lily. Sim, esse livro, de início, fala muito sobre a tal rivalidade feminina e no começo parece que as vidas de todas giram em torno dos homens.

Porém a história vai evoluindo e outros problemas são apresentados, como o machismo dentro da agência literária onde Jojo trabalha, a falta de educação financeira de mulheres que são deixadas pelos maridos, a exemplo da mãe de Gemma, ou Lily, uma mulher que deve sustentar a família e não sabe muito bem como lidar com isso, etc. São desafios de muitas mulheres que vivem no século XXI.

O livro é muito longo, pelo menos na minha opinião. Quem acompanha minhas resenhas sabe que sou muito devagar para ler. Inclusive esse livro eu comecei lendo um exemplar da biblioteca da minha faculdade. Chegou o momento de devolver e eu não estava nem na metade! Por isso consegui o livro digital e terminei no tablet mesmo.

Eu amei a história, tem momentos fofos, momentos engraçados, momentos para refletir sobre os relacionamentos e o conflito de gerações, entre mulheres adultas que estão no mercado de trabalho lutando por destaque e suas mães, que tiveram uma vida focada no casamento. Para quem gosta de chick lit, é uma ótima recomendação para as férias, não tem como não se identificar com alguma das três protagonistas, principalmente se você ama esse meio literário e quer um dia trabalhar com isso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Além do look do dia. Todos os direitos reservados.©
Design e codificação por Sofisticado Design