Image Map

Quando as amizades perdem a importância

20 junho 2017


Quando somos pequenas nossas amizades significam tudo para nós, não é mesmo? Ficamos tristes quando nossa melhor amiga não vai à escola e felizes quando podemos vê-la às tardes ou finais de semana, para fazer um passeio ou mesmo ficar em casa.

Durante o período de escola, temos a certeza de que aquela pessoa estará ali por nós, para ouvir nossas lamentações e ficar felizes com nossas notas altas ou pequenas conquistas, que quando temos menos de 15 anos são muito importantes.

Eu, como boa aquariana, sempre dei valor às amizades. Sempre fui fiel às melhores amigas e achava que esse título só tinha quem merecesse muito. Foi com essas amizades que aprendi a compartilhar, confiar, ficar triste e feliz pelos outros, ter empatia, aprender a ouvir.

No momento que precede a formatura, é inevitável pensar no que virá a seguir. Para todos, é um período de muito otimismo e promessas. É o momento de imaginarmos nossa vida do jeitinho que sempre sonhamos, com o currículo e o emprego perfeito, o corpo perfeito, o relacionamento perfeito. 

É inevitável o desejo de querer que essas coisas aconteçam e possam ser compartilhadas com essas amizades, que você jura que serão para sempre. Muitos planos são feitos para que vocês concretizem juntas dali a alguns anos.

O que acontece, na realidade, é outra coisa. O trabalho, os relacionamentos, a faculdade e outros projetos se tornam prioridades. Pouquíssimo tempo é necessário para que as amizades, que eram tão fortes, vão enfraquecendo aos poucos.

Percebemos que o que nos unia àquelas pessoas que julgávamos amar era simplesmente a ocasião, o fato de existir uma frequência afetiva. Quando tiramos a convivência da equação, nada resta e chega o momento de reavaliar essas amizades.

O problema é que, mesmo quando percebemos que a pessoa realmente faz falta na nossa vida e gostaríamos de manter contato e continuar compartilhando bons momentos, isso nem sempre é recíproco. As pessoas que antes sabiam tudo de nossas vidas vão ficando cada vez menos disponíveis.

Em algum momento, quando iniciamos a vida adulta, as amizades parecem perder a importância. Algo muito frustrante é quando encontramos velhos amigos e ouvimos aquele "vamos marcar" que sabemos não ser sincero. Aquela amizade de anos já não é mais um bom motivo para fazer alguém sair de casa.

Atualmente, parece que a Netflix e as redes sociais são uma prioridade maior que os amigos. As pessoas estão com cada vez mais preguiça de manter amizades e fazem cada vez menos questão. De que lado da história você está? Prefere assistir a uma série ou sair com seus amigos?

Se você faz parte do grupo de pessoas que não se importa de perder alguns amigos e prefere priorizar outras coisas como trabalho e relacionamento, não estou lhe julgando. Porém, não diga aquele "vamos marcar" mentiroso e, principalmente, não diga que está com saudades, se você tem todos os meios para entrar em contato com seus amigos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Além do look do dia. Todos os direitos reservados.©
Design e codificação por Sofisticado Design