Image Map

Sobre musicar-se

31 agosto 2017


Estou bem, foi só fazer definições dos planos, organizar em um papel de rascunho meus afazeres e rotina, e toda aquela dor do fracasso passou. A dor de ter ido mal na prova e de ter um amor não correspondido foi embora, mas também ouvir musica ajuda muito.

Engraçado como eu absorvo o sentimento das pessoas, se alguém está nada bem automaticamente sinto que tem algo de errado comigo, logo se a pessoa fica bem, em mim está tudo certo, acho que é uma questão de ligação da alma. Isso acontece com a música.

Se eu ouço musica agitada em inglês, eu mesmo não sabendo direito a letra, no contexto e toques compreendo sua mensagem na maioria das vezes. Outro dia, ouvindo uma banda que gosto muito (5aseco), que fala de amores e devaneios, um sentimento profundo apareceu e caíram lágrimas dos meus olhos.

Eu tentei evitar, mas as músicas me tocaram profundamente, e mesmo não tendo uma historia de amor e um amor para me encaixar na musica, eu imagino, eu entro de cabeça até na letra, mas também quem nunca?

Amores impossíveis, amores não correspondidos, pode ser coisa da idade, do momento em que nos encontramos, mesmo não estando na vibe para querer ter um relacionamento, a imaginação que entra pelo som da musica é coisa de louco. Agora sentada escrevendo ouço folk, imaginando eu, uma mochileira pegando um caminho sem volta, na minha mochila só coisas necessárias, e o que falta eu acho pelo caminho, se é que falta.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Além do look do dia. Todos os direitos reservados.©
Design e codificação por Sofisticado Design