Image Map

Sobre ser a garota fácil

06 agosto 2017


Acredito que não faça diferença a questão de ser “fácil” ou “difícil”. Assim como você pode dar pro cara de primeira e no final casar e ter uma vida feliz, você pode ficar meses ou anos esperando, e quando chega o momento mais esperado, infelizmente o relacionamento não dá certo.

A questão não vai ser definida ou resolvida se você der de primeira ou não, o relacionamento é questão de interesses que as pessoas têm umas pelas outras como um conjunto e não somente pela sua periquita.

A única coisa em pauta é: Você está a fim? Faça. Você não está a fim? Não faça. O interessado vai permanecer por você e não pela questão de dar ou não. E se ele não permanecer por esse detalhe (detalhe porque o sexo passa e a questão que fica é o interesse) ou se ele não permanecer, ai já é uma questão de maturidade, e cá entre nós não vale a pena dar investida.

“Se você quer pegar um cara seja difícil, se for fácil os caras só vão te comer”: isso é tudo muito relativo e essa frase que suas amigas ou qualquer pessoa de cabeça fechada fale para você, descarte, ela é bem ultrapassada. Isso não deveria influenciar seus desejos, faça o que tiver vontade.

Homens de verdade não fazem julgamento pelo fato de você ter dado ou não, se você for “fácil” ele vai ter sido um sortudo e você deu a oportunidade pro cara e no fim os dois saem satisfeitos. Se você for “difícil” corre risco de só você ficar criando expectativas e  acabar fazendo joguinhos só com você mesma.

A sociedade não tem que dizer como você deve agir para conquistar alguém, porque o pretendente permanecerá do seu lado pela sua singularidade, pela sua segurança, pela forma como você é, e não pelo que você finge ser.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Além do look do dia. Todos os direitos reservados.©
Design e codificação por Sofisticado Design